Vivendo o Cristianismo Autêntico

Série Efésios - 1ª Mensagem - 10/2012
Introdução: Vivendo o Cristianismo Autêntico 
Pr Domingos Alves

Mensagem: O povo de Deus crê e vive segundo a verdade por Ele revelada em Jesus Cristo e na Bíblia, e assim tem Nele a satisfação e a realização de vida, o desenvolvimento de relacionamentos sadios, e o viver que exalta e testemunha o Seu caráter amoroso, justo e santo.


Esboço

Introdução.

Na carta aos Efésios o apóstolo Paulo nos relembra que em Cristo Jesus somos povo de Deus, e nos exorta a termos o estilo de vida digno do cristianismo autêntico.

A carta aos Efésios “é um resumo, muito bem elaborado, das boas novas do cristianismo e de suas implicações” (Stott).

Veremos na carta aos Efésios que “o povo de Deus crê e vive segundo a verdade por Ele revelada em Jesus Cristo e na Bíblia, e assim tem Nele a satisfação e a realização de vida, o desenvolvimento de relacionamentos sadios, e o viver que exalta e testemunha o Seu caráter amoroso, justo e santo”.

Hoje, vivendo numa cultura fragmentada, narcisista, individualista e fútil…, nós temos que nos perceber como povo de Deus, povo da aliança. (Ricardo Barbosa, IBM, SP, 15/09/10).

Nesta “Introdução” quero apresentar alguns versículos de Efésios, para termos uma visão panorâmica do livro…

Em Ef 1:5, lemos que fomos predestinados (em outra mensagem estudaremos sobre a “Predestinação”) “para sermos adotados como filhos”…

Como já citei Deus está falando aos seus filhos, pela fé em Cristo Jesus como único e suficiente Salvador.

Por falar em filho, você já é filho de Deus? Com que base você afirma que é ou não é filho de Deus?

Como filhos de Deus temos que ter como propósito vivermos “para o louvor da sua (Deus) gloriosa graça”, Ef 1:6, 12.

Qual tem sido o nosso propósito de vida?

Temos vivido para o “louvor da glória de Cristo?”

Viver para o “louvor da Sua glória”, implica, entre outras coisas, andar “… de modo digno da vocação que fostes chamados”, Ef 4:1

Temos nós vivido, andado de modo digno como filhos de Deus?

Nosso estilo de viva honra, ou envergonha o nome de Deus?

O apóstolo nos exorta a não andarmos, não vivermos, como “… andam os gentios…”, Ef 4:17, mas a “sermos imitadores de Deus”, Ef 5:1; a andarmos “… como filhos da luz…”, Ef 5:8-11.

No capítulo seis o apóstolo encerra dizendo: “a graça seja com os que amam a nosso Senhor Jesus Cristo com amor incorruptível”, Ef 6:24.

Temos por Cristo um amor sincero, incorruptível?

O próprio Jesus afirmou que “aquele que O ama guarda os Seus mandamentos”.

Obediência um teste para avaliarmos a sinceridade e a profundidade do nosso amor a Deus.

No decorrer do livro veremos que: “O povo de Deus crê e vive segundo a verdade por Ele revelada em Jesus Cristo e na Bíblia, e assim tem Nele a satisfação e a realização de vida, o desenvolvimento de relacionamentos sadios, e o viver que exalta e testemunha o Seu caráter amoroso, justo e santo” .

(Próxima mensagem - 1a. Mensagem – “Chamados do mundo, e enviados ao mundo”, Ef 1:1,2).

Lembre-se:

A sua responsabilidade, debaixo da graça e capacitação divina é a de perseverante, e confiantemente aplicar os princípios e as verdades divinas que tens ouvido (Fp. 2.12,13; 1 Tm. 4.7-9; Tg. 1.22-27). Ao meditar nesta mensagem, pergunte-se:

  • O que  Deus quer transformar no meu modo de pensar e agir?
  • Como eu posso colocar isso em prática na minha vida?
  • Qual o primeiro passo que darei nessa direção (para que haja real transformação em minha vida)?

Conheça… Creia… Aproprie-se… E, pratique a verdade divina para que experimentes a vida plena que há em Jesus Cristo (João 10.10).

 

EfésiosNova Aliança