"Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e tudo o que há em mim bendiga ao seu santo nome. Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e não te esqueças de nem um só de seus benefícios." Salmo 103.1-2

Louvor e ações de graças operam milagres, justamente quando interiormente você se sente como que encerrado numa prisão, quando tudo parece trancado e acorrentado; quando a Bíblia não mais fala ao seu coração e você mal consegue pronunciar o nome de Jesus. Paulo e Silas louvaram a Deus quando estavam na prisão com as costas ensangüentadas. E ao orarem e cantarem louvores a Deus naquela situação, Deus lhes abriu as portas da prisão e arrebentou todos os grilhões.

Comece você também a agradecer e a louvar, não importa o tipo de "prisão" em que você se encontre. Pois enquanto cantamos e louvamos ao Senhor, Ele abre as portas das nossas circunstâncias e dificuldades. Ele não resolve seu problema, mas liberta você do problema. E se a resposta à sua oração demorar, justamente então você deve louvá-lO! Quando passamos por provações, as ações de graças fortalecem a nossa fé. O louvor dos nossos lábios mostra que de fato há fé em nosso coração. Quando você reconhece isso, por meio do louvor e ações de graça você é introduzido no mistério de ser contínua e constantemente abastecido com poder e força.

Transcrito - PD